Notícias

06/01/21 09:10

Governadores, Maia, líderes e STF vão debater vacinação com a Anvisa

O objetivo é definir um comitê nacional e organizar o início da imunização contra a covid-19 no país

Lideranças do Congresso, a Frente Nacional de Governadores, representantes do Supremo Tribunal Federal e dos laboratórios da Fiocruz e Butantan marcaram para segunda-feira um encontro nacional com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O objetivo é definir um comitê nacional e organizar o início da imunização contra a covid-19 no país.

A decisão foi tomada ontem, depois de reunião do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) com o presidente do Consórcio Nordeste e representante da Frente Nacional de governadores, o governador Wellington Dias (PT-PI).

O Comitê Científico de Combate ao Coronavírus no Nordeste, que tem à sua frente o médico e neurocientista Michael Nicolelis, considera a situação brasileira alarmante.

"O Brasil está muito atrasado em relação ao processo de vacinação. A consequência disso é que nós temos um risco maior que outros países. O fato é que precisamos botar na mesa todos os atores. O objetivo é que nesta segunda-feira possamos ter um esforço e tenhamos uma reunião com presença do Congresso Nacional, Supremo, governadores, representantes dos municípios, dos laboratórios como a Fiocruz e Butantan, de cientistas e empresas, para que possamos, junto com a Anvisa, ter uma solução", disse Wellington Dias, após o encontro com Rodrigo Maia.

De acordo com Wellington Dias, que tem conduzido reuniões com o Ministério da Saúde e Anvisa em nome dos governadores, o país já tem mais de 10,8 milhões de doses da vacina disponíveis no Brasil e a perspectiva de receber mais 12 milhões nos próximos dias. "E não temos um cronograma, não temos ainda o que é necessário sobre como será esse processo de vacinação", lamentou Dias. "Se é a vacina que vai nos tirar inclusive deste risco da presença do coronavírus com mutação no Brasil e vai salvar vidas, por que não colocamos como total prioridade sentar à mesa, tomar uma decisão a partir de um cronograma que possa seguir a ciência, mas com a agilidade numa situação de calamidade?", indagou o governador do Piauí.

O recesso forense do Supremo, iniciado em 21 de dezembro, termina amanhã. Os ministros Marco Aurélio, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Alexandre de Moraes continuaram despachando normalmente durante o recesso. No plantão, o responsável pela Corte é o presidente, Luiz Fux.

 

Fonte: Valor Economico 

 

comments powered by Disqus
Facebook
Instagram
Twitter
Escritório Regional Deputado Zeca Dirceu
Rua Aquidadam, 4289 - Zona I (Esquina Amerios)
CEP: 87.503-680 | Umuarama - PR
Telefone (44) 3056.3013 / (44) 3624-1054
WhatsApp: 044 98809-7778

Câmara dos Deputados
Praça dos Três Poderes
Gabinete: 613 - Anexo: IV
CEP: 70160-900 - Brasília - DF
Telefone: (61) 3215.5613